domingo, 3 de maio de 2015

Grávidas!

Hoje, tomando meu café e lendo amenidades na internet, me deparei com a gravidez de Débora Secco -  34 anos, grávida do surfista/modelo/DJ/ator/dançarino e qualquer coisa que a assessora de imprensa dele quiser, de 24 anos. Parabéns para ela.
Continuei tomando meu café, afinal, a gravidez de Débora não muda minha vida. E na sequência, notícias do nascimento da filha de Kate. Juro que perdi 12 minutos lendo algumas coisas sobre o nascimento da nova jóia da coroa que brevemente será batizada de acordo com os rituais da Igreja Anglicana, com direito à réplica de uma roupa usada pela filha mais velha da rainha Victoria em seu batizado, em 1841.

Até aí, nada de novo.

Não tem nada de novo em nada disso, na verdade. Até a estupidez humana continua igual. Os comentários são as pérolas, a coroação da ignorância. 

"Grande merda", "Foda-se", "Um bebê como tantos outros", "Qual a importância disso?".

Bem, a gravidez da Débora Secco não muda em nada a vida de muitas pessoas. Já o nascimento da filha do Príncipe William, sim. 
E não me venham com comentários fúteis chamando os ingleses de imbecis. Eu queria ser imbecil num País desenvolvido, com cultura e tradição abundante, com uma moeda forte valendo R$ 4,50, educação acima da média, respeito às diferenças, cidadania, segurança e tudo aquilo que a gente, acompanhadores da gravidez de Débora, não temos a menor ideia. 

Nenhum comentário: