quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

Muito chato

Está para nascer algo mais chato que Big Brother.
Um é pouco, dois é bom, três é demais.

Tudo começa com um "uhu estou no BBB!". Deve ser bem legal para quem entra, mas para quem está de fora, é um saco. Bom, pelo menos pra mim.

Hoje eu resolvi ver. Aguentei doze minutos.
Não sei se é porque é o começo, ou se é porque a receita já deu o que tnha que dar. Só sei que achei tudo muito chato.

Pode ser que eu cuspa para cima e caia bem na minha cara. Mas por dinheiro nenhum eu ficaria como um macaco de circo dentro de uma caixa de vidro dentro de um shopping.

Na hora que passou aquele povo dentro da tal casa de vidro, senti que era hora de desligar a televisão.
Sabe vergonha alheia? Acho que foi isso que eu senti.

Será que um milhão vale todo e qualquer tipo de exposição?

2 comentários:

alan disse...

Para acompanhar o BB eu nem ligo a tv... Ouço (a força) os comentários da rua, leio as manchetes dos jornais, e escuto minha mãe tentar me contar o que ocorre... rs... Foi assim a partir da segunda edição... A primeira eu vi alguns capítulos... Não gosto desse programa... rs

Vanessa Dantas disse...

Como diria uma amiga minha, é a tal da VPP - Vergonha Pela Pessoa.

Há tempos não passava por aqui... Que bom que voltou a escrver! Não suma tanto assim!