quinta-feira, 28 de fevereiro de 2008

Povo feliz

A pátria dos antigos vikings possui a monarquia mais antiga da Europa. E dizem que lá está o povo mais feliz do mundo.
Eu fiquei intrigada com isso. Como se é feliz em um lugar que escurece às 3 da tarde?
Fora a temperatura amena que faz na região. O verão deles registra a sensacional temperatura de 16ºC. No inverno, quando não é rigoroso, 0ºC. Perfeito!
Mesmo assim, não é difícil entender os motivos.
A Dinamarca é um país desenvolvido. De acordo com os padrões internacionais a condição de vida é alta e a diferença entre ricos e pobres é menor do que em muitos países tidos como desenvolvidos.
Copenhague é muito organizada, bem sinalizada, seus prédios antigos e governamentais são bem conservados, suas ruas e praças são bem cuidadas. Tem excelência em serviços públicos.
Você jamais verá um nórdico dinamarquês reclamando do busão, das filas enormes do banco, na rua pedindo um prato de comida, e toda esta coisa tupiniquim.
E não me venham com aquela babaquice de que o povo brasileiro é um povo feliz. Tem muita gente que ficaria bem feliz se tivesse o que comer, vestir, e onde morar.
Se o próximo candidato à Presidência não tiver em seu plano de Governo algo que nos faça sermos o povo mais feliz do mundo, anularei meu voto.
E parafraseando Hamelet: "Há algo de errado no Reino do Carnaval"


Um comentário:

Alan disse...

Vivi, eu já me sentiria feliz, se morasse em lugar que a maldita operadora de banda larga me permitisse usar o serviço vagabundo que ela oferece mas é incapaz de manter... rssssssssssss